Quer descobrir o que faz a Engenharia de Produção? Então, você chegou ao lugar certo.

Neste artigo, abordaremos todos os aspectos essenciais sobre a profissão e a formação.

Aqui, você vai conhecer fatores importantes, como o que faz um engenheiro de produção, quanto ganha, quais são as áreas de atuação, como é o mercado de trabalho, o perfil desse profissional e muito mais!

Preparado? É só avançar no texto!

O que é Engenharia de Produção?

A Engenharia é definida como a prática de utilizar técnicas científicas, matemáticas e tecnológicas a fim de encontrar as melhores soluções para as necessidades humanas. 

Para isso, a área utiliza recursos naturais e materiais.

A Engenharia de Produção, por sua vez, é um dos ramos da Engenharia.

Aplicada em sistemas de produção, ela tem o objetivo de otimizar processos e garantir a produtividade e a rentabilidade.

É um campo muito valorizado por diversas empresas, principalmente, por sua flexibilidade de aproveitamento.

Afinal, qualquer organização que tenha uma linha de produção, seja ela de bens materiais, seja de prestação de serviços, pode ser beneficiada pelos resultados da sua aplicação.

O que faz um engenheiro de produção?

O engenheiro de produção é o profissional responsável por planejar todo o processo produtivo de um sistema. 

Assim, cabe a ele avaliar os custos, controlar os meios de produção, a qualidade dos materiais utilizados, conduzir as pessoas envolvidas e analisar a rentabilidade.

A atuação dele também pode se estender à área administrativa, como gestão de recursos financeiros e materiais da empresa.

Ou seja, o engenheiro de produção pode desempenhar diversos papéis em um negócio, em diferentes setores, mas sempre com o objetivo de tornar os processos mais vantajosos para o dia a dia da organização.

Como é a profissão de Engenharia de Produção?

A Engenharia de Produção é uma profissão dinâmica, com flexibilidade de atuação.

Por isso, a demanda por engenheiros de produção no mercado vem crescendo cada vez mais.

Afinal, as empresas estão observando os benefícios de otimizar seus processos.

Portanto, esse é um dos ramos mais completos da Engenharia, que engloba as áreas de exatas e humanas.

Qual é a diferença entre Engenharia de Produção e Administração?

Apesar de conter muitos processos administrativos na Engenharia de Produção, existem diferenças entre ambas as profissões.

O engenheiro de produção utiliza seus conhecimentos na área de exatas para desenvolver e otimizar procedimentos das mais variadas naturezas.

Já o administrador atua em uma frente mais voltada ao controle, à gestão e à execução de processos. 

De certa forma, podemos dizer que a Engenharia de Produção é mais técnica, enquanto a Administração tem um viés mais humano.

Como escolher entre Engenharia de Produção ou Administração?

Para definir qual dos dois cursos será melhor para sua carreira, é necessário compreender o seu perfil.

Tanto Engenharia de Produção quanto Administração têm rotinas técnicas e humanas.

Porém, a primeira é mais focada na questão técnica, e a aplicação no dia a dia é voltada, exclusivamente, à linha de produção de processos.

Enquanto isso, a Administração, apesar de também conter a parte técnica, possibilita uma atuação mais abrangente.

Essa pode ser uma vantagem caso o profissional se identifique mais com a gestão de equipes, tenha aptidão com relacionamentos interpessoais e queira exercer tarefas distintas.

Como se tornar engenheiro de produção?

Para se tornar engenheiro de produção, é necessário cursar a graduação em Engenharia de Produção. 

O curso pode ser facilmente encontrado em instituições públicas e privadas, tanto na categoria presencial quanto a distância.

A modalidade EAD, inclusive, por ser uma formação flexível e, geralmente, mais econômica, tem atraído cada vez mais adeptos.

Como é o curso de Engenharia de Produção?

engenharia de producao o que faz como e curso

Se você está pensando em cursar Engenharia de Produção, prepare-se para ver muita matemática, física e ciências da administração.

Por ser uma formação do campo de exatas, essas são as matérias predominantes, com aplicação na área de Logística, Economia, Sustentabilidade e Produção.

Veja, a seguir, mais detalhes sobre o curso.

Quais são os objetivos do curso?

Ele tem como objetivo formar profissionais aptos a planejar, executar, gerenciar e avaliar os sistemas produtivos necessários em uma empresa, em diferentes esferas, unindo questões econômicas, humanas, sociais e ambientais.

Qual é o valor de um curso de Engenharia de Produção?

Os valores variam de instituição para instituição e também de acordo com a modalidade de ensino escolhida.

Na Univali, por exemplo, o curso de Engenharia de Produção EAD tem mensalidades de R$ 702,00.

Qual é o tempo de duração?

Ele tem duração de cinco anos. Isso vale para a modalidade presencial e EAD.

Assim como qualquer outro curso de Engenharia, os dois primeiros anos são mais generalistas. 

Já no restante da formação, o conteúdo é mais denso e específico.

Quanto ganha um engenheiro de produção?

De acordo com levantamento realizado pelo site Vagas, a média salarial do engenheiro de produção é de R$ 7.516,00, com piso de R$ 5.072,00 e teto de R$ 9.340,00.

No entanto, vale lembrar que esse valor pode variar de acordo com a empresa, o nível de conhecimento do profissional e o trabalho que será desenvolvido.

Qual é a área de atuação do profissional?

engenharia de producao o que faz qual area de atuacao do profissional

As oportunidades de atuação para o engenheiro de produção são muitas.

Afinal, o conhecimento técnico do profissional combinado às habilidades administrativas podem ser aproveitados em diversos ramos.

Confira algumas das principais áreas ocupadas por engenheiros de produção.

Logística

O engenheiro que atua com Logística é responsável por encontrar soluções de transporte, manter o estoque regular e a disponibilidade dos produtos.

Pesquisa Operacional

A Pesquisa Operacional (PO) estuda, desenvolve e aplica métodos analíticos para auxiliar a tomada de melhores decisões na empresa. 

Nessa área, o engenheiro tem contato com sistemas operacionais, cálculos matemáticos e inteligência artificial.

Engenharia da Qualidade

O engenheiro pode encontrar ainda uma grande oportunidade de atuação na área da Qualidade.

Muitas empresas procuram profissionais especializados para adequar os procedimentos às normas, a fim de operar em conformidade, obter selos de qualidade e aumentar a credibilidade no mercado.

Engenharia do Produto

Nessa área, o profissional atua na parte estratégica da elaboração de novos produtos da companhia.

Ele tem como papel planejar, executar e acompanhar, junto a outros setores, todas as etapas do desenvolvimento do produto.

Engenharia Organizacional

A Engenharia Organizacional compreende a área da gestão de empresas.

Portanto, o profissional fica responsável por elaborar boas estratégias para o desempenho da organização como um todo.

Engenharia Econômica

Aqui, o engenheiro de produção atua como responsável pela tomada de decisões e tem participação ativa nos melhores direcionamentos para a saúde financeira da empresa.

Engenharia da Sustentabilidade

Na Engenharia da Sustentabilidade, o profissional é responsável pela integração dos processos empresariais com recursos naturais.

Também pode atuar no tratamento de resíduos e outras práticas que preservam o meio ambiente.

Educação em Engenharia de Produção

Mais uma das opções de carreira para o engenheiro de produção é a formação de outros profissionais.

Ele pode, portanto, ministrar aulas em cursos acadêmicos e realizar treinamentos organizacionais.

Engenharia do Trabalho

O profissional que opta por atuar com Engenharia do Trabalho tem a incumbência de organizar a dinâmica da rotina de atividades, incorporando as funções da equipe aos recursos disponíveis, como o sistema utilizado, por exemplo, de maneira que proporcione eficiência e segurança.

Como é o mercado de trabalho para quem se forma em Engenharia de Produção?

O engenheiro de produção encontra pela frente um amplo mercado para atuar profissionalmente.

E, embora seja necessária uma linha de produção para que ele possa executar o trabalho, não é só em indústrias que estão as vagas.

Diversos ramos da prestação de serviços tem a ganhar com a atuação do engenheiro de produção.

E aqui vai uma boa notícia: de acordo com um levantamento realizado pelo site Vagas, a área de Engenharia foi apontada como uma das mais promissoras em 2020.

Perfil de um engenheiro de produção

A rotina do engenheiro de produção é pautada por questões da área de exatas.

Por isso, consciência em relação à sua atuação técnica é fundamental, assim como espírito crítico e analítico.

Ainda é preciso ter flexibilidade, não só para lidar com a mais variadas situações, mas com as pessoas.

Visão estratégica e criatividade também integram a lista de habilidades do profissional.

O dia a dia de um engenheiro de produção

engenharia de producao o que faz dia a um engenheiro

O dia a dia do engenheiro de produção contém muitos processos administrativos, mas também envolve relacionamento direto com as pessoas.

Além disso, é comum que haja bastante planejamento, cálculos e estudos de estatísticas e variáveis.

Mitos e verdades sobre a profissão

Alguns mitos costumam permear a profissão, como a afirmação de que o engenheiro de produção não é muito necessário nas empresas ou que, em período de crises, é difícil conseguir emprego.

E é justamente o contrário disso: em períodos de crise, esse profissional se torna fundamental nas companhias por otimizar os processos, reduzir custos e contribuir com a rentabilidade dos negócios.

No entanto, é verdade afirmar que a Engenharia de Produção é uma das vertentes mais bem remuneradas da Engenharia.

Onde estudar Engenharia de Produção?

engenharia de producao o que faz onde estudar

Se você está procurando uma instituição de ensino para cursar Engenharia de Produção, a Univali é a opção ideal.

A universidade tem mais de 50 anos de tradição e já formou mais de 62 mil profissionais, dos quais 90% estão atuando no mercado de trabalho.

Os cursos são reconhecidos pelo MEC e o diploma tem peso no seu currículo.

Conclusão

Após ler o artigo, ficou fácil entender o que faz a Engenharia de Produção? Esperamos que sim.

Para encerrar, cabe reforçar que a área está em alta e tende a crescer cada vez mais, já que as empresas estão buscando profissionais para otimizar seus processos e contribuir com os resultados.

Então, não perca tempo! Matricule-se no curso de Engenharia de Produção da Univali e dê um passo grande na sua carreira.

Gostou do conteúdo? Que tal escrever a sua opinião aqui embaixo? Esperamos sua contribuição!

ead univali como estudar em casa

Inscreva-se no nosso Blog

Baixe agora o manual:

blog ead univali

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT