Você sabe o que é People Analytics?

Se você é antenado no mundo da tecnologia ou está inserido no mercado de RH, pode ser que já tenha ouvido falar.

Porém, se este é o seu primeiro contato com o assunto, não tem problema. 

É justamente, para esclarecer tudo sobre ele que preparamos este guia completo.

Siga a leitura e confira tudo a respeito!

O que é People Analytics?

people analytics o que e

Já virou até clichê dizer que os dados são a moeda mais valiosa da atualidade. 

Isso porque, com base neles, é possível tomar decisões estratégicas, que sucedem em resultados expressivos. 

A atividade de big data, que consiste em analisar grandes volumes de dados, era mais comum em empresas de tecnologia.

Mas cresceu tanto que atingiu outros segmentos. E chegou ao setor de Recursos Humanos.

Você deve estar se perguntando qual a relação disso com People Analytics e a resposta é: tem tudo a ver.

O big data é o elemento principal do People Analytics. 

People Analytics, portanto é o processo de coleta, organização e análise de dados sobre os colaboradores de uma empresa. 

Como surgiu o conceito de People Analytics?

people analytics como surgiu conceito

Não se sabe ao certo qual foi a primeira empresa que usou o big data em RH, mas conhecemos - e muito bem - a organização que deu nome ao conceito: a Google.

Origem

Mike West é um dos homens que trabalharam neste projeto na Google e, em artigo publicado no LinkedIn, ele conta que o termo surgiu na empresa em 2007. 

Na época, a Google dobrava de tamanho a cada ano, e a companhia sentiu a necessidade de gerenciar os dados de pessoas para tomar decisões mais embasadas.

Foi, então, que a equipe de análise de dados começou a crescer e, então, decidiram atribuir um nome a ela.

Como o departamento de Recursos Humanos era chamado de People Operations (Operações de Pessoas), estabeleceram que a nomenclatura da área poderia seguir o mesmo padrão. 

E, assim, tornou-se People Analytics (Análise de Pessoas).

Quais os benefícios do People Analytics?

people analytics quais beneficios

Ok, já está claro que People Analytics é a prática de analisar os dados dos funcionários. 

Mas qual a vantagem disso?

Bom, são vários os benefícios. 

Veja só:

Maior controle sobre a administração

Uma vez que você tem informações importantes sobre os empregados, é possível saber o que funciona ou não. 

Com isso, dá para corrigir vulnerabilidades e ampliar as melhores práticas.

Atuação mais estratégica

Isso permite, por tanto, que o setor de RH tome uma forma mais estratégica. 

Afinal, as decisões são baseadas em dados e números reais.

Otimização dos recursos financeiros

Se você sabe, por exemplo, qual é a principal deficiência profissional dos seus colaboradores, pode investir em um treinamento específico para resolver essa questão. 

Sem os dados, provavelmente, você tentaria adivinhar as capacitações necessárias. 

E isso, é claro, consumiria a sua verba e poderia não levar a lugar algum. 

Aprimoramento do processo de seleção e recrutamento

Com os dados em mãos, fica mais fácil entender as características e competências que os funcionários precisam ter para trabalhar na sua empresa. 

Assim, você tem base para procurar profissionais no mercado que atendam às expectativas.

Melhor índice de retenção de talentos

Não só a contratação se torna mais assertiva, como também a retenção de talentos. 

Afinal, a partir dos dados, é possível promover iniciativas que contribuam para a satisfação dos funcionários.

Aumento da produtividade

E funcionários felizes são mais produtivos, não é mesmo? 

Dessa forma, People Analytics contribui com o cumprimento de metas e alcance de resultados.

Qual a metodologia do People Analytics?

Como vimos, o People Analytics utiliza-se do Big Data. 

Na prática, a atividade consiste, basicamente, em:

  • Integrar: coletar todos os dados e inseri-los em um banco
  • Gerenciar: organizar e tratar os dados extraídos
  • Analisar: entender cenários e padrões para formar informações relevantes.

Por que desenvolver uma área de People Analytics em uma empresa?

Se você prestou bastante atenção no tópico em que descrevemos os benefícios de People Analytics, já sabe que o método é altamente eficaz e produtivo para as empresas.

Uma vez que é implantado em uma organização, a sua gestão fica mais eficiente e estratégica. 

Assim, suas decisões, que serão mais embasadas, têm grandes chances de refletirem em bons resultados.

Quais são os níveis de Analytics e quais informações trazem?

people analytics quais sao niveis quais informacoes trazem

O trabalho de Analytics possui quatro classificações. 

Cada uma delas se caracteriza pelas informações trazidas.

Confira!

Descriptive

Neste primeiro nível, as ferramentas de Business Intelligence (BI) são mais utilizadas. 

A ideia é reunir informações de eventos passados.

Diagnostic

Aqui, dados e estatísticas são usados para apurar a origem dos problemas. 

Dessa forma, a informação consiste em apresentar as causas.

Predictive

Como o nome já entrega, é o momento de prever eventuais acontecimentos futuros com base no histórico já registrado. 

As informações, portanto, mostram o que pode surgir pela frente.

Prescriptive

Por fim, na fase mais avançada, é possível ter uma perspectiva maior dos problemas que estão por vir. 

Dessa forma, as informações permitem criar saídas para solucioná-los.

Dados, resultados e estatísticas do People Analytics

people analytics dados resultados estatisticas

Para confirmar tudo o que dissemos sobre a importância do People Analytics, listamos aqui alguns fatos:

  • Segundo a Fast Company, dados da Nielsen comprovam que 1% de redução no turnover de funcionários equivale a uma diminuição de US$ 5 milhões nos custos
  • O banco Credit Suisse economizou cerca de US$ 70 milhões ao ano usando o People Analytics para reter seus melhores talentos, conforme divulgado no The Wall Street Journal
  • Organizações que exploram todo o potencial do People Analytics têm 56% mais margem de lucro e retorno 22% maior sobre os ativos, de acordo com pesquisa da Visier.

Como implementar People Analytics em uma empresa?

people analytics como implementar em uma empresa

É hora de pôr a mão na massa. 

Descubra, agora, como dar início ao People Analytics em uma empresa.

Tente começar por quem mais precisa

As mudanças e novidades podem causar certa estranheza para algumas pessoas. 

No ambiente corporativo, então, é comum que haja resistência. 

Por isso, a melhor alternativa é oferecer a solução de People Analytics para departamentos que têm mais necessidade em usar os dados.

Envolva a equipe de marketing na implementação

A área de marketing sabe melhor do que qualquer outra como mostrar os atributos da ferramenta.

Por isso, ao implementar o People Analytics na sua empresa, certifique-se de envolver a equipe de marketing para apoiar a comunicação.

Adote uma ferramenta, mas aja de forma democrática

Ferramentas analíticas podem assustar quem não entende do assunto. 

Por isso, o seu papel é esclarecer o que elas são, para que servem e quais os objetivos. 

Também é importante considerar que o público precisará de treinamento para aprender a lidar com os dados e análises.

Quais os desafios para implementar na empresa?

Além dos desafios comuns de qualquer implementação, que envolvem a aceitação interna, você deve ter em mente que há alguns obstáculos pela frente.

Entre eles, a dificuldade de encontrar os dados, de relacioná-los aos indicadores e, ainda, o pouco preparo da liderança para analisá-los e usá-los.

Como o People Analytics afeta a gestão de pessoas?

people analytics como afeta gestao de pessoas

Quando mencionamos as vantagens do People Analytics, entramos em algumas questões que envolvem o trabalho de gestão de pessoas. 

Mas, agora, você confere, no detalhe, como a ferramenta tem impacto na área.

Engajamento

Quando os profissionais estão satisfeitos com o local em que trabalham, costumam se sentir mais motivados. 

E esse engajamento é fundamental para que o ambiente seja mais favorável e produtivo.

Seleção e gestão de talentos

Os processos de recrutamento e retenção de talentos custam caro. 

Com o People Analytics, além de otimizá-los, é possível reduzir custos.

Segurança e bem estar

Os dados permitem analisar diversos aspectos. 

Entre eles, por exemplo, os acidentes de trabalho. 

Com isso, fica mais fácil adotar medidas de segurança e bem estar para minimizar os riscos.

Exemplos e cases de sucesso: people analytics na gestão de pessoas

people analytics exemplos cases de sucesso na gestao de pessoas

Entre os dados e estatísticas apresentados neste artigo, mencionamos o resultado obtido pela Nielsen.

Esse é um case de sucesso que vale abordarmos.

A Nielsen é uma empresa que atua no ramo de pesquisas. 

E ela estava enfrentando graves problemas com o turnover alto. Ou seja, a rotatividade de colaboradores.

A organização, então, queria saber porque os funcionários estavam saindo do emprego.

Para descobrir a razão, a Nielsen investiu em People Analytics. 

Depois de encontrar os principais motivadores, a empresa decidiu fazer algumas mudanças.

E, com os ajustes, economizou milhões de dólares. 

Mais precisamente, US$ 5 milhões em custos, como destacamos antes.

Por que fazer um curso de People Analytics?

people analytics por que fazer um curso

A qualificação profissional é essencial para toda e qualquer atividade.

Por isso, se a sua intenção é trabalhar na área de People Analytics ou, então, adotar a análise de dados na sua empresa, vale investir em capacitação.

Cursos em People Analytics

People Analytics não é uma área de graduação. Ou seja, ninguém se forma e carrega um diploma de bacharel. 

Ele é, na verdade, um curso de extensão e especialização. 

Portanto, você deve procurar por instituições de ensino que ofereçam esse tipo de formação.

Agora, caso queira seguir carreira em Big Data ou Ciência de Dados, aí sim, pode fazer um curso mais abrangente.

A Univali (Universidade do Vale do Itajaí) tem, em seu portfólio, o tecnólogo em Ciência de Dados.

Com dois anos e meio de duração, o curso é realizado a distância

Acesse o site e saiba mais!

Conclusão

E, então, após acompanhar este guia, conseguiu esclarecer todas as suas dúvidas sobre People Analytics?

É uma área bem interessante e valiosa para as empresas, não acha?

Como dissemos no começo do texto, os dados são muito importantes para o cenário atual.

Por isso, fazer deles uma profissão pode ser uma ótima escolha.

Gostou do texto? Então, aproveite o espaço abaixo para escrever o seu comentário.

ead univali como estudar em casa

Inscreva-se no nosso Blog

Baixe agora o manual:

New call-to-action

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT